O “satanás” George Soros e seus discípulos no Brasil – combatê-los não será com flores e amores

Publicado: junho 30, 2019 em Sem categoria

Purgatorio da Imprensa

Fake news de Intercept expõe possíveis crimes da imprensa brasileira – (Estudos Nacionais – 29/06/2019)

A parceria do firmada entre o site de Greenwald e jornais como Folha de S. Paulo e Veja, divulgados na última semana, rebaixa a já depauperada credibilidade do jornalismo nacional. Não há registros de situação como esta em um país dominado por poucos grupos de comunicação, constantemente empenhados em descredibilizar quaisquer vozes discordantes da sociedade por meio das redes sociais. Um dos elementos chave para compreender todo esse processo é a atuação de milionários como George Soros, que destina regularmente o seu dinheiro em projetos de extrema esquerda no Brasil, além de financiar sites como Agência Pública e a Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji).

A credibilidade do jornalismo profissional, no Brasil, vem perdendo para as redes sociais. Como mostro no livro Fake news: quando os jornais fingem fazer jornalismo (2019), a atividade jornalística brasileira converteu-se em um órgão de propaganda que não hesita em cometer crimes. No caso da parceria com o site The Intercept Brasil, que é acusado de acobertar criminosos internacionais na prática de um crime que atenta contra a segurança nacional, os jornais Folha de S. Paulo e revista Veja podem estar envolvidos na prática de um crime internacional que precisa ser investigado.

https://estudosnacionais.com/coluna/cristianderosa/fake-news-de-intercept-expoe-possiveis-crimes-da-imprensa-brasileira

FAKE: Abraji chama de “jornalismo independente” agência ligada a milionários – (Estudos Nacionais – 30/06/2019)

A Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji) divulgou no site do Congresso de Jornalismo Investigativo, uma pesquisa sobre ódio nos EUA, feita pela entidade Pro Publica, chamada pela Abraji de “jornalismo independente”. Na verdade, o grupo citado tem o apoio de grandes fortunas da esquerda financeira global, o que deixa o jornalismo investigativo ensinado e propagado pela Abraji bem mais suspeito do que a entidade gostaria de admitir.

Com texto de Karine Seimoha, a matéria publicada no site do Congresso diz: “Projeto de jornalismo independente identifica e mapeia crimes de ódio nos Estados Unidos”. Mas a verdade é bem diferente da propaganda:

https://estudosnacionais.com/coluna/cristianderosa/fakenews-abraji-chama-de-jornalismo-independente-agencia-ligada-a-milionarios

O festival da “fonte anônima” – (O Antagonista – 30/06/2019)

A Folha entrou no festival da “fonte anônima”. Como a matéria de hoje com mais diálogos roubados de Deltan Dallagnol não tem nada que incrimine os procuradores ou Sergio Moro, ela foi construída sobre uma declaração de uma “pessoa” ao jornal — que, obviamente, deve ser um advogado de defesa de alguém implicado na Lava Jato.

Em geral, procuradores não gostam de mentiras. Jornalistas também deveriam não gostar.

https://www.oantagonista.com/brasil/o-festival-da-fonte-anonima

O poder e o interesse de Soros na política brasileira – (Movimento Avança Brasil – 07/06/2019)

George Soros investiu pelo menos 349 mil dólares só em projetos jornalísticos e de mídia, no Brasil. A Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (ABRAJI), UNESC Brasil, Agência Pública/Casa Pública, são as destinatárias do dinheiro, por meio da entidade Open Society.

Além disso, em 2018, a Open Society investe forte na formação de lideranças políticas no Brasil para influenciar assim os rumos nacionais, como mostra a matéria abaixo, extraída do site da ONG Nação Mestiça, ligada ao Instituto Marielle Franco, projeto impulsionado pelo milionário húngaro-americano.

https://avancabrasil.site/2019/06/07/soros-quer-criar-politicos-no-brasil-e-onde-estao-os-conservadores

Agência de “jornalismo independente” ligada a Sakamoto recebeu 1 milhão de reais de George Soros – (ilisp – 17/08/2016)

Dita “agência de jornalismo independente” e “sem fins lucrativos”, a Agência Pública recebeu mais de 1 milhão de reais do bilionário e principal financiador da esquerda pelo mundo, o húngaro-americano George Soros. De acordo com documentos vazados da Open Society Foundation de Soros e disponíveis na Internet, a Agência Pública, cuja razão social é “Centro de Jornalismo Investigativo”, recebeu nos últimos anos $85.000 entre 2011 e 2012 (R$ 220.000,00 em valores atuais), $86.500 entre 2014 e 2015 (R$ 285.000,00 em valores atuais) e $162.900 entre 2015 e 2016 (R$ 520.000,00), totalizando R$ 1.025.000,00 em cinco anos.

A Agência Pública pública tem entre seus conselheiros o blogueiro do UOL, Leonardo Sakamoto, e a jornalista do El País e da Época, Eliane Brum.

Outras instituições de esquerda brasileiras também receberam financiamento de George Soros, incluindo o “coletivo independente” Mídia Ninja – que recebeu R$ 250.000,00 – além do Instituto Fernando Henrique Cardoso (R$ 350.000,00), Actantes – Ação Direta pela Liberdade, Privacidade e Diversidade na Rede (R$ 190.000,00), Casa Fluminense (R$ 640.000,00), Instituto Tecnologia e Sociedade (ITS) / Mudamos.org (R$ 1.100.000,00) e Rede Nossa São Paulo (R$ 1.600.000,00).

http://www.ilisp.org/noticias/agencia-de-jornalismo-independente-ligada-sakamoto-recebeu-1-milhao-de-reais-de-george-soros

ONG de George Soros financió con más de US$3 millones a ONG IDL – Reporteros – (ForosPerú – 15/08/2018)

Centro Knight recibe donación de 270.000 dólares de las Fundaciones Open Society.

https://www.forosperu.net/temas/ong-de-george-soros-financio-con-mas-de-us-3-millones-a-idl.1255402/pagina-3

Censura no Facebook: só a esquerda vai determinar o que é Fake News – (InfoMoney – 17/05/2018)

Conforme levantou Flávio Gordon, na Gazeta do Povo, o controle sobre a veracidade de uma notícia será exercido pela agência PolitiFact, organização financiada por A Omidyar Network, de Pierre Omidyar, idealizador do eBay, e a Open Society, do megainvestidor George Soros, grupos globalistas de esquerda, contrários à eleição e à governabilidade de Donald Trump.

https://www.infomoney.com.br/blogs/economia-e-politica/economia-e-politica-direto-ao-ponto/post/7426278/censura-facebook-esquerda-vai-determinar-que-fake-news

É BOM FICAR DE OLHOS ABERTOS E BEM ATENTOS QUANTO À ESSE “DEMÔNIO” E SUA CORJA QUE ESTÁ ATUANDO NO BRASIL.

Megainvestidor George Soros mais que dobra fatia na Oi

Valor Econômico/Globo – 30/05/2019

Ligação de Lula com corrupção na negociação Oi x Portugal Telecom investigada pela Justiça portuguesa – (Blog do Coronel – Coturno Noturno – 02/11/2015)

A Polícia de Portugal está investigando pessoas próximas ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, bem como a ex-governantes e gestores brasileiros e portugueses , num inquérito relacionado ao negócio fechado entre a operadora Oi e a Portugal Telecom (PT) em 2010.

O Ministério Público português confirmou ao Estado que existem duas investigações ocorrendo em paralelo e que a cooperação com o MP brasileiro tem sido “constante”. Segundo o jornal, existe a suspeita de “pagamentos de várias dezenas de milhões de euros ao universo restrito do ex-presidente da República Lula da Silva, bem como a ex-governantes e gestores brasileiros e portugueses.”

https://coturnonoturno.blogspot.com/2015/11/ligacao-de-lula-com-corrupcao-na.html

Oi injeta R$ 82 milhões na empresa de Fábio Luís – filho do Lula – (Jurista Luiz Flávio Gomes/Jusbrasil – 10/01/2017)

De acordo com relatório da PF, a Oi injetou R$ 82 milhões na empresa de Fábio Luís e outros sócios (ver F. Bächtold, Folha, 30/12/16). A empresa foi fundada em 2004. A Cervejaria Petrópolis foi outra grande “investidora” (R$ 6 milhões). No total, foram destinados R$ 103 milhões para a Gamecorp, da qual Fábio Luís é sócio.

https://professorlfg.jusbrasil.com.br/artigos/417999390/oi-injeta-r-82-milhoes-na-empresa-de-fabio-luis-filho-do-lula

George Soros e a destruição do Brasil

LiloVLOG – 14/10/2017

George Soros e Papa Francisco

Terça Livre TV – 14/11/2016

EXISTEM INIMIGOS E RISCOS QUE SÃO TÃO PERIGOSOS CONTRA O BRASIL, QUE OS “PROFISSIONAIS DA VIOLÊNCIA” TERÃO MUITO TRABALHO PARA EXTERMINAR.


Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s